Cinco dicas para parecer inteligente


Hoje em dia, com essa selva corporativa que virou a vida profissional, você sempre que puder deve intimidar seus colegas de trabalho, de faculdade e concorrentes. Fingir que é inteligente costuma funcionar muito bem.

#1 Arranje um óculos de grau de acetato: Quando tais modelos de óculos viraram moda, principalmente os com aros retangulares, ficaram vinculados aos cults, críticos de cinema e jornalistas decadentes. Seja isso bom ou ruim, essa galera paga muito bem de inteligente, então siga a onda deles e arranje logo o seu, faça cara de conteúdo e fique com ar intelectual.

#2 Leia as orelhas dos livros nas livrarias e bibliotecas: Para que desperdiçar seu precioso tempinho lendo um bom e velho Machado, se o que você precisa saber mesmo está na orelha? Ninguém vai te perguntar sobre coisas específicas do enredo, e se perguntar, você dá aquela enrolada e cita alguma coisa da orelha. É bem intimidador chegar para as pessoas perguntando se elas leram o último livro do Saramago, emendando com uma afirmação tecnocrática. Também se aplica aos leitores das primeiras trinta páginas, o que demanda mais empenho, mas traz resultados mais rápidos. NADA de Paulo Coelho, pelamoordedeus!

#3 Cite coisas artísticas desconhecidas: Que tal lembrar no meio de uma conversa, como quem não quer nada, de uma pintura iraniana ótima sobre os conflitos emocionais adolescentes da conjuntura social local? Comente também, em tom divertido, sobre a sua visita à mostra de arte contemporânea algo como “A gente tem que rir, depois da arte moderna virou essa festa do caqui! Tudo muito contemporâneo para o meu gosto!”. Quando alguém perguntar sobre os seus planos para o fim de semana, cite a mostra de expressionismo alemão da cinemateca, emendando imediatamente que gosta de assistir filmes herméticos sozinho para refletir melhor.

#4 Tenha opinião formada sobre tudo, mas seja neutro: Evite fazer generalizações sobre a conjuntura política, por exemplo, com pérolas do tipo “nosso presidente é analfabeto”, tampouco seja radical. Prefira fazer alusões a trechos do Manifesto do Partido Comunista e frases de Maquiavel, mesmo que sejam inventadas por você, pois dificilmente descobrirão.

#5 Ria das piadas alheias, mesmo sem entendê-las e emende as suas: Sua máscara de inteligência não pode cair caso você não entenda uma piada. Se o caso for mentir para se enturmar, o risco é todo seu: cuidado ao utilizar piadas alheias e nomes de comunidades do Orkut, alguém pode descobrir. Prefira sempre o riso discreto, com leve tom irônivo, seguido do ajuste do óculos sobre o nariz, e olhe fixamente nos olhos do piadista.

Espero ter ajudado, espero retorno das suas experiências!

Anúncios

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. Leandro Ikehara
    maio 09, 2009 @ 06:31:55

    Olá Giulianna, tudo bom?
    Passei aqui mais p/ saber quem é vc, já que vc foi cobaia da Luísa, no site Baixaki! hehehe!!!
    Muito legal seu blog, espero vir visitar seu cantinho mais vezes!
    Beijão e bom final de semana!
    Leandro.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: